terça-feira, 26 de agosto de 2008

Que me faz bem

Fico procurando as palavras, encntro, são aquelas que dizem: "você me faz, você me faz tão bem", que não sei quem escreveu.Mas tudo isso me traz lembranças tão felizes, de tudo que ainda está por vir, e quero que venha, meu medo me diz que não, mas já está tudo para sim, apenas continuo caminhando até que esse "nosso" dia chegue, e achando você, o resto me faz caminhar ao seu encontro.
Apenas o sorriso em meus lábios, lágrimas de gargalhadas, foi suas palavras que me curaram, espero curar-me totalmente ao estar com você, sei que tudo já está pronto, por isso me esqueço do que ja me fez chorar e lembro de você, que me causou o motivo de risos.
Hoje pensando, sempre em você, cheguei a concluir, que nada vai mudar, mesmo que nada seja como esperamos, sei que pra sempre em minha memória ficará, e esse riso que me faz feliz, ficará marcado com o seu nome!

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

O inesperado é melhor

Porque isso me assusta, ao mesmo tempo me acalma, me faz mais feliz, e mais indecisa de tudo, talvez você tenha feito eu despertar de lembranças que tinham se aprofundado no meu eu, descobri novamente tudo aquilo, todos aqueles sentimentos que me fizeram mal outro dia.
Não estou a te culpar de nada, quem disse que isso é negativo para mim, você me traz riso aos labios, me traz as palavras mais felizes em momentos tristes, me traz a beleza que eu desejo, e que parece que só você encherga.
aos anos que passei a procura destes mesmo elogios, e mesmo que se forem apenas isso, estão guardados na minha memória, quem sabe pra sempre você não se torne a minha memória.
ao mesmo tempo que desejo isso tudo, desejo não ter nada disso, quero apenas caminhar sem ter de enfrentar todo o mundo, sem ter que me esconder, quero poder olhar em seus olhos, e sentir qualquer sentimento que me torne mais e mais feliz.
Mesmo que não seja a pessoa que procuro, mesmo que errada eu esteja, obrigada por me despertar do que procurava no lugar errado.

terça-feira, 5 de agosto de 2008

As palavras sem sentido

E tudo que eu via a minha volta eram risos, não me faziam mais aquele bem como antes, apenas me condenavam pelas minhas atitudes, se faço do jeito que faço é porque assim desejava fazer, era porque eu precisava daquilo no momento, era porque aquilo me faria melhor do que do outro jeito.
Por mais insignificante fosse para mim, havia algo a mais, um olhar com intenções diferenciadas, e mesmo que quisesse era só me falar, seria menas traição ao meu ver, seria melhor que saber por intermediários, as frases saidas de seus labios seriam mais amenas, me machucariam menos.
O momento se fez pela raiva que senti no momento, tudo que eu queria era falar com você, e expressar com ações e palavras minhas vontades mais animais, ou seja, toda aquela raiva que eu sentia ser decontada em você, mas de que me valeria aquilo tudo?
Não era por ser quem é, mas por ser você, por ser como você é, pelo que eu sentia em afeto com você, pois aquele jamais diferenciaria minha vida.
Continue seu caminho, só não pense que meus passos continuarão ao teu lado.