terça-feira, 5 de julho de 2016

noi-t-e de vol-ta

Dadas
Encostadas
Mãos
Entre-laçadas

Olhos
nos meus
e teus
sendo seus
os meus

pela ja-
nela
Estrelas no
Céu
Azul

Me cega
quando te
enxerga
e releva
com a
revela-ção
dessa
minha pressa